Uma coisa pensa o cavalo Outra quem está a montá-lo

.posts recentes

. FORA DA BOUÇA QUE A BOUÇA...

. MIGUEL DE VASCONCELOS, ES...

. TAIPAS: CAPITAL, TRÊS PON...

. MALHARAM NO TINO

. COM PAPAS E BOLOS

. O ARMANDO ANDA DESPIDO E ...

. PIMENTA NO C* DOS OUTROS ...

. ANDAM A DEITAR FORA O NOS...

. OS BOYS CÁ DA TERRA

. GAMADO

.arquivos

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

Quinta-feira, 3 de Janeiro de 2008

O SABER E AS HABILITAÇÕES CONTAM MENOS QUE O CARTÃO

Não me interessa o lavar de roupa suja do processo bcp-millenium , embora me interesse que se apurem os factos até ao tutano e se conheçam os meandros da porcaria dos negócios escuros em que parece estar metido. Se mais não fosse, para que a máscara caia e venha à tona a hipocrisia dos que fingem uma santidade e uma lisura que de todo não têm.

 

Fiquei banzado com a troca de piropos entre o PS (Governo) e o PSD, com cada qual a puxar a brasa dos tachos para si e as suas sardinhas. Nada de desconhecido, mas sabe sempre bem ver as nossas suspeitas confirmadas por quem melhor as pode confirmar, ou seja pelos que as praticam em privado enquanto em público pregam moralidade....

 

Portanto, ficou evidente que entre PS e PSD há um conúbio que conduz à partilha de lugares, seja nas empresas públicas, com extensão a cargos de destaque em empresas privadas. Quem vai para tais tachos é quem quer um quer outro indicam, numa aplicação serôdia do tratado de Tordesilhas à vida política. Daqui resulta um domínio efectivo sobre sectores chave da economia e, pormenor não desprezível, uma legião de indefectíveis que pagam favores com lealdades e, no limite, alimentam vidas tranquilas e euros a rodos, alguns dos quais serão provavelmente encaminhados para os dois partidos a título de generosas quotas e contribuições particulares.

 

Temos assim que conhecimentos técnicos, experiência profissional e provas dadas à parte, que sempre as haverá, o critério principal de nomeação para cargos de relevo deriva da filiação partidária e da fidelidade aos chefes, o que implica a existência de círculos de amizades fechados e inacessíveis ao comum dos cidadãos.

 

Esta apropriação dos lugares pelos dois partidos do bloco central embota a democracia, negando a todos a igualdade de oportunidades porque, infelizmente, não se confina aos pequenos domínios do sector empresarial do Estado antes se projecta por toda a vida pública, chegando ao mais remoto cargo de uma qualquer empresa municipal.

 

Aínda na última assembleia de freguesia, percebeu-se que a Turitermas não está imune ao favoritismo e ao nepotismo e que o PSD das Taipas fala como fala porque acha que o PS de Guimarães está a ocupar demasiados lugares com gente sua.

 

Pobre povo que a tudo assiste e não pega na vassoura!


publicado por igrejavelha às 12:28

link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


.links

.Fazer olhinhos

blogs SAPO

.subscrever feeds